Home Sul Rio Grande do Sul Gramado passado a limpo por Miron Neto

Gramado passado a limpo por Miron Neto

11 min read
0
294

GRAMADO/ RIO GRANDE DO SUL – Depois de quase dois meses de bandeira preta, com a maioria das atividades fechadas, a economia de Gramado dá mostras de recuperação. Junho deve fechar no mesmo patamar de 2019, antes da pandemia. O mesmo ocorreu em maio, quando houve a liberação do sistema de bandeiras do Governo do Estado.

O empresário Plínio Ghisleni, da Rede Laghetto, confirma o bom desempenho da hotelaria em junho. “Aumentou a diária média e o consumo interno nos hotéis com valores superiores aos de junho de 2019”, disse ele em entrevista à Gramado TV. A Laghetto, aliás, está criando mais 190 empregos com a abertura de dois hotéis.

Laghetto Stilo – Foto divulgação

A gastronomia também registra bom desempenho, com tíquete médio maior do que em junho de 2019. A explicação para o fenômeno em plena pandemia – com os restaurantes limitados a 60% de ocupação, é o fato do público de alto poder aquisitivo estar privado de viagens internacionais para destinos do Primeiro Mundo. O topo da pirâmide social brasileira está vindo para Gramado.

Resultado do boom: problemas na mobilidade urbana. Boa parte dos motoristas andando devagar pelas ruas centrais estão à procura de uma vaga de estacionamento disponível. Marcello Buzzetto diretor da Rek Parking, concessionária do serviço, confirma que a ocupação do rotativo este mês é semelhante a de junho de 2019.

Pode nevar em Bom Jesus, mas quem fatura é Gramado


Foto meramente ilustrativa

A meteorologia não fala em neve em Gramado, mas em Bom Jesus, nos Campos de Cima da Serra. A informação, no entanto, tem poder para turbinar ainda mais o movimento turístico por aqui, que já anda em um patamar semelhante ao período pré-pandemia.

De acordo com a Somar Meteorologia, a previsão de neve segue firme e os flocos gelados devem cair no interior de Bom Jesus entre a noite de segunda-feira (28) e a madrugada de terça-feira (29). O fenômeno será possível graças a presença de uma massa de ar polar em choque com um ciclone extratropical na costa gaúcha.

“O fato de estar nevando hoje em locais pouco acostumados de muito baixa altitude no Centro da Argentina é um sinal que esta massa de ar polar é muito intensa e que não se pode descartar surpresas no Sul do Brasil”, diz a meteorologista Estael Sias da MetSul.

A última vez em que nevou na serra gaúcha foi em 20 de agosto de 2020, quando o fenômeno foi registrado em sete municípios: São José do Ausentes, Jaquirana Bom Jesus, Cambará do Sul, São Francisco de Paula, Gramado e Canel

24 de junho de 2021, um dia histórico para o turismo local


Cascata das águas do tempo – Divulgação

Este 24 de junho de 2021 deve entrar para o turismo de Gramado. A inauguração do primeiro parque aquático coberto e temático com águas termais da América do Sul é bem do que um pioneirismo, porque ele agrega um atrativo que possui um público cativo em todo o país e que costuma permanecer vários dias em um destino.

Assim como o Snowland em 2013, o Acquamotion deve ser um dividor de água – com o perdão do trocadilho. Modestamente na minha opinião, os empreendedores estimam uma visitação de 400 mil turistas por ano. Deve ser bem maior, tendo em vista que o termalismo consegue levar mais de 1,5 milhões de pessoas para uma cidade chamada Olímpia (SP), apenas para citar um destino pouco conhecido da maioria.

No tour pelo parque, os convidados conheceram um pouco mais das atrações e da tematização do local, que teve mais de R$ 100 milhões de investimento e irá gerar aproximadamente 500 empregos diretos e indiretos para a região. O empreendimento abriga sete piscinas de águas termais, divididas em três andares. Com atrações para todas as idades, o novo parque inclui piscina de ondas, uma de borda infinita, três ao ar livre e outras com opções de jatos de água massageadores e um bar molhado, além de dois grandes toboáguas e duas áreas especiais para crianças: Acquatix e AcquaPlay.

Resumindo: diversão para toda a família e mais turistas circulando em Gramado.

Fórum de Estudos Turísticos é confirmado em setembro

A 3ª edição do Fórum Gramado de Estudos Turísticos está confirmada para acontecer nos dias 29 e 30 de setembro. A nova data foi definida após o adiamento no ano passados em razão da pandemia ocasionada pelo coronavírus e será realizada de forma online e gratuita.

Entre os temas do encontro estão as novas tendências do turismo no pós-pandemia, como cicloturismo, agroturismo e observação de aves. Também haverá painéis sobre as novas tecnologias a serviço do turismo e os protocolos de segurança sanitária que vieram para ficar.

Para o presidente do Fórum, Luia Barbacovi, “será uma oportunidade para debater as grandes tendências do turismo, fugindo do lugar comum e avançando em relação a novas oportunidades que estão surgindo”. Ele destaca, ainda, que o Fórum terá um time de grandes especialistas nacionais e internacionais, e que o evento apontará para soluções práticas, como a gestão de um destino, por exemplo.

Império dos Camarões fecha sua operação em Gramado

O restaurante Império dos Camarões, restaurante especializado em frutos do mar, fechou suas portas há 10 dias. O Imperador do Camarão ficava na rua Garibaldi, esquina com a rua Theobaldo Fleck, e trouxe para a Serra os pratos que fizeram dele um fenômeno na capital alagoana. O restaurante começou à beira-mar em 1989, na Praia de Pajuçara, e hoje conta com duas unidades em Maceió e uma em Foz do Iguaçu (PR). Um de seus pratos mais famosos é o Chiclete de Camarão, que se tornou conhecido em todo o país.

O Império dos Camarões operava em Gramado desde outubro de 2020. Pelo que a coluna apurou, no mesmo local deverá surgir um novo restaurante.