Home Centro-Oeste Distrito-Federal Municípios do novo Mapa do Turismo Brasileiro serão validados até 30 de julho

Municípios do novo Mapa do Turismo Brasileiro serão validados até 30 de julho

3 min read
0
83

BRASILIA/ DISTRITO FEDERAL –  (Por Victor Alves ) – Os governos estaduais têm até o próximo dia 30 de julho para validar a atualização do Mapa do Turismo Brasileiro 2019-2021, que vem sendo cadastrada no Sistema de Informações do Programa de Regionalização do Turismo desde o dia 1º de abril.

 O trabalho dos governos estaduais e municipais, bem como das Instâncias de Governança Regional, foi feito com a orientação do MTur, que disponibilizou vídeo e documentos orientadores com o objetivo de sanar as dúvidas e auxiliar as cidades a se cadastrarem no programa. Atualmente, o Mapa do Turismo possui 3.285 municípios, que estão divididos em 328 regiões turísticas.

Para o ministro do Turismo interino, Daniel Nepomuceno, “é muito importante que os estados fiquem sob alerta para os critérios apresentados, pois com eles poderemos definir políticas públicas precisas para desenvolver o turismo em cada região. Com o Mapa, identificaremos as cidades que possuem vocação turística, o que facilitará a gestão e aplicação dos recursos da Pasta e beneficiando os destinos em suas necessidades e talentos”, destacou.


Foto: Vista de Maceió – de Wesley Menegari

Todos os municípios inseridos nas regiões do Mapa são considerados, pelo Programa de Regionalização do Turismo do MTur, destinos de vocação turística ou destinos de apoio que podem contribuir ou se beneficiar da geração de emprego e renda induzidos pela atividade do setor. O Mapa do Turismo Brasileiro foi instituído em dezembro de 2013 e passou a ser atualizado de dois em dois anos a partir de 2016. Os estados, em parceria com os municípios, têm autonomia para a definição das regiões turísticas, incluindo ou removendo destinos.

A previsão é de que em agosto seja publicada a portaria que define o número de municípios e regiões turísticas que deverão compor o Mapa do Turismo Brasileiro 2019.

FONTE: MINTUR/Brasil