Home Nordeste Ceará O terminal de passageiros do porto

O terminal de passageiros do porto

9 min read
0
38

FORTALEZA/CEARÁ – BRASIL – Os órgãos de imprensa anunciaram que é intenção do Governo Federal conceder à iniciativa privada, com prioridade, o Terminal Marítimo do Porto de Fortaleza, fato já anunciado pelo Ministro da Infra-Estrutura. Com isto, certamente o turismo marítimo da capital cearense ganhará novas proporções, pois resgatará um valor acumulado de inestimáveis proporções. A recepção de grandes cruzeiros enfim seria de fato concretizada, passando o Porto de Mucuripe a funcionar como o que há muito se deseja.

Realmente causa perplexidade a não utilização adequada do Terminal Marítimo de passageiros da Capital, após lá ter sido empregada vultosa verba. Sua utilização plena seria para a recepção de cruzeiros e milhares de turistas que veriam ao Brasil para a Copa do Mundo de Futebol, em 2014. Frustração. Moderno, bem representativo, o Terminal até que ficou pronto. Mas começaram a surgir os gargalos. A profundidade do local era empecilho para que os navios de maior porte chegassem até o ponto de desembarque. Providências pra lá, providências pra cá e fez-se a dragagem da bacia. Mas o local continuou sem cumprir sua finalidade, passando até o momento a ser utilizado para shows e outras atividades sociais.

Quanto tempo perdido

Faz-nos recordar com saudade do tempo em que Fortaleza recebia semanalmente passageiros vindos do Norte ou do Sul pelos navios das companhias Ita e Lloyd, com as embarcações ficando fundeados longe da Ponte Metálica, na Praia de Iracema.  O precário terminal marítimo de Fortaleza não era motivo para que a população em bom número lá estivesse para receber os bem-vindos passageiros. Tempo do mar aberto. Portanto, agora é saudar e torcer para que a inciativa privada faça funcionar devidamente o terminal marítimo de passageiros do Porto do Mucuripe. O turismo de Fortaleza afinal precisa de que isto aconteça para que dê mais um grande salto de qualidade, neste momento em que por aqui tudo são flores.

Semanário itinerante

Após passar por 17 estados e pelo Distrito Federal, o seminário itinerante do programa Investe Turismo chegou a Goiânia (GO) na quinta-feira (05). A iniciativa é fruto de uma parceria entre o Ministério do Turismo, o SEBRAE e a EMBRATUR e tem como objetivo aumentar a qualidade em rotas turísticas, focado principalmente na geração de empregos e renda à população. O evento contou com a presença do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio; do governador de Goiás, Ronaldo Caiado; do presidente da Goiás Turismo, Fabrício Amaral; representantes do trade turístico. A rota “Goiânia, Pirenópolis e Cidade de Goiás Velho” é uma das nove contempladas pelo programa na região Centro-Oeste do país e contempla três municípios: Goiânia, Pirenópolis e a Cidade de Goiás. Além disso, o estado possui outras duas cidades contempladas

Atividade do MEI

O Micro-empreendedor Individual (MEI) responde pela única fonte de recursos de 1,7 milhão de famílias. Isso significa que 5,4 milhões de pessoas no país dependem da renda de um MEI. Ao longo da década, a renda média familiar desse segmento alcançou R$ 4,4 mil, o equivalente a pouco mais de quatro salários mínimos. É o que aponta a 6ª edição da pesquisa “Perfil do MEI”. Realizada pelo SEBRAE, em todos os estados brasileiros, a sondagem alcança 95% de nível de confiança e 1% de margem de erro, delineando as principais características desses empreendedores.

Conforme a pesquisa, que entrevistou 10.339 Micro-empreendedores Individuais entre 1º de abril e 28 de maio deste ano, a atividade é a única fonte de renda de 76% dos MEI. Isso significa que hoje há cerca de 4.6 milhões de MEI que dependem exclusivamente da sua atividade empreendedora.

Prêmio Nacional do Turismo

O Ministério do Turismo publicou na segunda-feira (02) os editais do Prêmio Nacional do Turismo 2019, que tem como objetivo identificar, reconhecer e premiar iniciativas de destaque do turismo e profissionais que tenham inovado ou trabalhado de forma proativa para o desenvolvimento do turismo no país.

Promovida em parceria com o Conselho Nacional de Turismo (CNT), a premiação, de caráter simbólico, será concedida na forma de troféus. As inscrições seguem até 17 de outubro. Clique aqui para fazer a inscrição. Gestores públicos, privados e representantes da sociedade civil que atuam no setor turístico terão chance de expor ações de vanguarda e conquistar reconhecimento. Serão 11 categorias premiadas. Podem participar da seleção entidades públicas; instituições do Sistema S, como SEBRAE, SENAC e SESI; entidades da sociedade civil organizada; pessoas jurídicas; representantes de grupos coletivos e empreendimentos turísticos. Prêmio Nacional do Turismo também vai condecorar, com medalhas e certificados, profissionais inovadores ou que tenham trabalhado pelo desenvolvimento do setor nos últimos 24 meses.

FONTE: JORNAL ROTA DO SOL – DIRETOR/EDITOR:
Jornalista José Carlos de Araújo (Rg.149-1-37-52 DRT-CE)|
Fone: (85) 3244-4847 – e-mail : j.carlos.araujo@bol.com.br
Fortaleza – Ceará – BRASIL