Home Centro-Oeste Distrito-Federal Seminário descubra Brasil movimenta Santa Cruz de la Sierra

Seminário descubra Brasil movimenta Santa Cruz de la Sierra

8 min read
0
225

BRASÍLIA/ DISTRITO FEDERAL – BRASIL – Evento reforça a importância da promoção turística e apresenta destinos brasileiros a profissionais bolivianos. Evento em cidade boliviana buscou ampliar o conhecimento dos profissionais do turismo da região sobre os atrativos brasileiros

O Instituto Brasileiro de Turismo (EMBRATUR) reuniu no dia sete de Dezembro  representantes de agências de viagens, companhia aéreas e operadores de turismo da Bolívia, em Santa Cruz de La Sierra, destacando os atrativos turísticos brasileiros. Na ocasião, a EMBRATUR apresentou no evento o vídeo “Brasil, o mundo passa por aqui” e reforçou a promoção de destinos brasileiros como Rio de Janeiro (RJ), Maceió (AL), Fortaleza (CE), Natal (RN), Salvador (BA), São Paulo (SP), Foz do Iguaçu (PR), Bonito (MS), Nobres (MT) e o Pantanal.

Um Brasil diferente

 “Como mostra nosso filme, existe um Brasil diferente para cada perfil, um Brasil único para cada gosto”, disse a presidente da EMBRATUR, Teté Bezerra, ao abrir o evento ao lado do representante da Embaixada do Brasil no Peru, José Vitor, da coordenadora de Inteligência Competitiva da EMBRATUR, Leila Holsbach, e do secretário adjunto de Turismo de Mato Grosso, Jaime Okamura.

Para Teté, o boliviano tem um carinho especial pelos brasileiros, adora sol e mar, mas está aberto para descobrir novos destinos como o Pantanal, Foz do Iguaçu, Fernando de Noronha, entre vários outros. “O turista da Bolívia tem interesse no Pantanal, em Bonito, em Nobres, na Chapada dos Guimarães. Está aberto a diversidade do nosso turismo”, considerou a presidente. Bonito, em Mato Grosso do Sul, inclusive, está entre os destinos mais conhecidos hoje pelos bolivianos.

Visita dos bolivianos

Dados da própria EMBRATUR mostram que em 2017 um total de 126.781 bolivianos visitaram o Brasil, o que coloca o país entre os 13 entre os que mais enviam turistas ao país. Os cinco primeiros são Argentina, Estados Unidos, Chile, Paraguai e Uruguai. Mapeamento do Instituto mostra também que é possível aumentar bastante esse fluxo através de ações em feiras, famturs, press trips, campanhas digitais e workshops como o realizado em Santa Cruz de La Sierra. “Vamos usar todos os instrumentos que dispomos para chegar a esses mercados”, informou a coordenadora da EMBRATUR, Leila Holsbach.

Fala da Kellye Neis

Kellye Neis, da empresa VIACAPI, foi convidada a falar sobre o Rio de Janeiro, Foz do Iguaçu e praias do nordeste como destino, e novas perspectivas de roteiros para os bolivianos. Para ela, a diversidade brasileira é o grande chamariz. “O Rio de Janeiro é a capital turística do Brasil. Não há como falar em turismo no Brasil sem agregar o Rio, mas mostramos também várias opções de corredores turísticos. Muitos podem ser feitos via terrestre, a partir de São Paulo. Turismo de negócios, cultural, de eventos, de contemplação, de aventura e, é claro, sol e mar ”, destacou Neis.

Considerações do Secretario adjunto de Mato Grosso

Já o secretário adjunto de Turismo de Mato Grosso, Jaime Okamura, apresentou vídeos sobre as belezas naturais do Estado, com destaque para o Pantanal, Nobres, Chapada dos Guimarães e a capital, Cuiabá, que completa 300 anos em 2019. Okamura lembrou a afinidade histórica entre bolivianos e mato-grossenses e a fronteira que liga os dois países, através de Cáceres. “Temos uma ligação muito forte, principalmente entre Cuiabá e Santa Cruz de La Sierra. Estamos prontos para receber os bolivianos, assim como eles nos recebem tão bem”, exaltou o secretário.

Conectividade aérea Brasil/Bolivia

 A questão da conectividade aérea entre Brasil e Bolívia foi colocada como uma das maiores dificuldades para a expansão. Hoje há apenas uma ligação entre Bolívia e Brasil, de forma direta, através do aeroporto de Guarulhos, em São Paulo. A Latam anunciou que pretende realizar um novo para São Paulo, ainda no primeiro semestre de 2019, e a Azul busca investir na rota Cuiabá/Santa Cruz de La Sierra.

O embaixador do Brasil na Bolívia, Otávio Cortez, se prontificou a somar esforços para viabilizar a abertura do novo voo. “Farei questão de participar do voo inaugural”, anunciou Cortez. Santa Cruz de La Sierra já operou um voo regular, com alta ocupação, com destino a Cuiabá, assim como a Campo Grande.

Fonte: Assessoria de Comunicação da EMBRATUR
www.embratur.gov.br
www.twitter.com/Embraturnews
www.facebook.com/EmbraturBrasil
(61) 2023-8529/8528