Home Sudeste Minas Gerais Trem turístico que ligará Minas ao Rio pode ser inaugurado no início de 2019

Trem turístico que ligará Minas ao Rio pode ser inaugurado no início de 2019

16 min read
0
351

BELO HORIZONTE/MINAS GERAIS – BRASIL – A ansiedade de quem quer viajar de Minas Gerais até o Rio de Janeiro de trem pode estar com os dias contatos. As composições que farão o trajeto podem começar a circular no início de 2019. Essa é a expectativa da Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) Amigos do Trem, responsável pela implantação do projeto. (Legenda da foto acima: Minas- Rio o charme da viagem de trem).

Para dezembro está prevista uma viagem inaugural e, até fevereiro do ano que vem, o passeio turístico poderá ser aberto para o público. “Ainda não temos os detalhes das viagens, mas estou confiante que tudo dará certo”, contou Cyntia Nascimento, que está à frente da Amigos do Trem. O roteiro interestadual do Trem Rio-Minas percorrerá 160 km por oito cidades, partindo de Cataguases, na Zona da Mata mineira, à cidade de Três Rios, no estado vizinho. Outras seis cidades estarão na rota do passeio: Leopoldina, Recreio, Volta Grande, Além Paraíba e Chiador, em Minas; e Sapucaia, no Rio de Janeiro.

Passeios 

Pelo projeto, os passeios serão realizados aos sábados, domingos e feriados, e terá 6 horas de duração. Os trens poderão transportar até 850 passageiros por dia de funcionamento. As composições partirão simultaneamente de Cataguases e Três Rios. Os turistas poderão fazer o trajeto completo de ida e volta ou retornar para a origem trocando de trem na metade do caminho.

Empecilhos de circulação

Um dos empecilhos para a circulação das locomotivas é a divisão das linhas férreas com o transporte de cargas. O diretor de relações institucionais da VLI, Flávio Henrique Rodrigues Pereira, informou que qualquer inciativa nesse sentido precisa da autorização da Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT). A representante da Amigos do Trem, Cyntia Nascimento, informou que aguarda o relatório com orientações da agência. A ANTT informou que a aprovação do projeto depende da complementação de documentação por parte da operadora e também a conclusão da vistoria no trecho.

Investimento

O investimento total para que o trem turístico possa operar é de R$ 1 milhão. O projeto pode contribuir para a geração de 500 empregos diretos e indiretos, além ajudar a manter preservado o patrimônio histórico das cidades. O projeto Trem turístico Rio-Minas é coordenado pela OSCIP Amigos do Trem e conta com o apoio das prefeituras, da iniciativa privada, além da concessionária da ferrovia Centro-Atlântica e de órgãos do governo federal ligados ao transporte ferroviário.


Reformas de jardins e do coreto

Se depender do Instituto Estadual de Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (IEPHA-MG), a reinauguração da Praça da Liberdade já pode ser programada para o início de dezembro. O trabalho de revitalização das estruturas físicas e dos jardins da praça, feito pelo órgão, já está concluído.

Mas quem deve bater o martelo sobre o dia em que o público poderá voltar a circular pelo local é a Prefeitura de Belo Horizonte, que não dá previsão para a entrega da praça. “Logo que os trabalhos de revitalização estiverem finalizados, a Prefeitura de Belo Horizonte vai comunicar a data aos cidadãos e para a imprensa”, afirmou a administração municipal por meio de nota.

Ainda não foram completamente encerradas as obras nas ruas e avenidas do entorno, especialmente na avenida Bias Fortes, onde houve a principal intervenção. A partir de agora, haverá uma faixa de paralelepípedos entre a praça e o Palácio da Liberdade, aumentando o espaço para a circulação de pedestres e provocando uma redução da velocidade entre os veículos que passam pelo local. Antes das obras, muitos pedestres circulavam por uma área inapropriada, ilhados entre o trânsito e os jardins da praça.

De acordo com a assessoria da BHTRANS, não há data definida para o término dessa obra, mas falta pouco a ser feito e tudo deve ficar pronto na semana que vem. A última ação deve ser a pintura das faixas de pedestres.

Inauguração

A inauguração também depende da finalização do trabalho de iluminação pública, realizado pela BHIP. Toda a mudança foi feita de acordo com as diretrizes do IEPHA e Conselho Municipal de Patrimônio, buscando conciliar melhorias com a preservação da estrutura do projeto da década de 1920.

Assim, os postes antigos que ficavam fora da praça foram levados para dentro dela e alinhados conforme os jardins. O entorno também recebeu nova iluminação, visando melhorar a segurança nos pontos de ônibus e pontos de maior circulação.

A CEMIG trabalha no momento na instalação da iluminação especial de Natal e não há informação ainda se as luzes serão ligadas no mesmo dia da reinauguração da praça.

De acordo com a presidente do IEPHA, Michele Arroyo, houve uma preocupação em respeitar o projeto da Praça da Liberdade e, ao mesmo tempo, valorizar a segurança das pessoas que passeiam por ali. “Todo o piso danificado foi trocado, a terra dos jardins foi substituída, tratada e foram plantadas novas mudas. As árvores que tinham sérios problemas foram suprimidas e foram plantadas outras da mesma espécie, para manter a paisagem”, explica.

Também houve restauração dos elementos artísticos da praça: as ninfas, os bustos e o coreto. Por sinal, o coreto ganhou uma atenção especial. Foram restaurados os painéis pictóricos que imitam tijolinhos. A cúpula e as estruturas metálicas ainda não foram pintadas porque a tinta especial precisa de dez dias para secar – algo impossível em um período chuvoso como o atual.

Também houve um aumento no número de bancos, que foram todos mudados, e uma revitalização nas bombas das fontes. As obras tiveram início em julho deste ano e o valor total investido é de R$ 5,2 milhões.

Marcelo Álvaro Antônio será o novo Ministro do Turismo

Marcelo Álvaro Antônio ( Fonte: Agência Câmara)

O futuro ministro do turismo, Marcelo Álvaro Antônio, disse que vai brigar para que a Pasta tenha um orçamento importante. “Vou brigar sim para que o ministério possa ter um orçamento importante, tendo em vista que o turismo vai participar efetivamente desse momento de resgate, de recolocar o Brasil na rota do desenvolvimento”. “Essa briga orçamentária já começa agora na CMO (Comissão Mista de Orçamento)”, completou.

Marcelo foi reeleito para o cargo de deputado federal na eleição deste ano. Ele está na Câmara desde 2014, onde integrou as comissões de Minas e Energia, Finanças e Tributação, Viação e Transportes, além de comissões externas sobre o Zika vírus e a situação hídrica dos municípios de Minas Gerais. Foi eleito vereador por Belo Horizonte em 2012. O futuro ministro não completou a graduação em Engenharia Civil pela UniBH.  Ele é presidente estadual do partido PSL em Minas Gerais.

FESTURIS 2019



Eduardo Zorzanello Marta Rossi e Marcus Rossi,
diretores da 
Rossi & Zorzanello, empenhados no FESTURIS 2019

A 31ª edição do FESTURIS acontecerá de 7 a 10 de novembro do ano que vem, de quinta a sábado, como tradicionalmente a principal feira de Turismo do Sul do Brasil ocorre. A informação acaba de ser confirmada pela Rossi e Zorzanello.

No FESTURIS 2018, estiveram  2,5 mil marcas expuseram seus produtos em uma área 5% maior do que a do ano passado. Mais de 15 mil profissionais participaram do evento, alta de 10% em comparação com 2017. A geração de negócios prevista a partir desta 30ª edição da feira é de R$ 300 milhões.

Tiradentes recebe o 18º Encontro da Hotelaria e Gastronomia


Hotel Santíssimo, onde acontece o evento

Nos dias 7 e 8 de dezembro, em Tiradentes, Minas Gerais, ocorre o 18º Encontro da Hotelaria e Gastronomia Mineira – Edição Inconfidentes, evento que tem como objetivo promover o intercâmbio de experiências nos principais polos hoteleiros de Minas Gerais.

Após oito anos de sucesso na capital, o encontro, organizado pela Mensagem e Imagem Consultoria e Eventos em parceria com o Circuito Turístico, apresentará a tradicional mostra de produtos e serviços para os meios de hospedagem, além de diversos cursos, palestras e oficinas para os trabalhadores e empresários do setor. A novidade deste ano fica por conta do Festival Gastronômico Hotel Gourmet, com receitas especialmente elaboradas pelos chefs de alguns dos principais hotéis de Minas Gerais.


O trem entre Tiradentes e São João del Rey é uma das atrações turísticas

O encontro acontece de, 9h às 20h, no Santíssimo Resort, em Tiradentes. Mais informações pelo e-mail contato@encontrohotel.com.br.

Coluna Minas TURISMO Gerais
Jornalista Sérgio Moreira|
Informações para:  sergio51moreira@bol.com.br