Home Sul Rio Grande do Sul PÓS-CORONAVÍRUS – Canela lança plano para retomada econômica

PÓS-CORONAVÍRUS – Canela lança plano para retomada econômica

8 min read
0
170

 

CANELA/RIO GRANDE DO SUL – BRASIL – Sem deixar de priorizar questões de saúde e assistência social, a Prefeitura de Canela lançou na terça-feira (7), por videoconferência, o Plano Estratégico para Retomada da Economia PÓS-CORONAVÍRUS. O trabalho elaborado pela Secretaria Municipal de Turismo e Cultura busca promover ações integradas com entidades e empreendimentos turísticos para garantir a saúde pública, organizar a retomada gradativa das atividades, preservando os empregos e auxiliando na segurança jurídica, econômica e sanitária.

O Secretário de Turismo e Cultura, Ângelo Sanches, destaca que foram analisadas as movimentações de mercado e escutados os principais players do setor. “Nossa prioridade é sempre o ser humano. O plano traz um cronograma integrado para retomada das atividades até o final do ano, iniciativas de conscientização e envolvimento nas questões sanitárias, com ações coerentes e adequadas para cada fase da crise”, diz Sanches.

Ações

(Legenda da foto acima: Secretário de Turismo e Cultura Ângelo Sanches).

Conforme o Secretário, o cronograma prevê ações de capacitação e relacionamento para o curto prazo, ativações e promoção em médio prazo e expansão e aprimoramento para o longo prazo. Sanches observa que os eventos públicos suspensos em função da pandemia devem ser realizados a partir do segundo semestre. O Secretário anuncia a criação da Primavera em Canela.

“O calendário oficial de eventos de Canela sofrerá algumas alterações. Teremos a Primavera em Canela, que será repleta de atrações culturais e que irá valorizar os talentos locais. Também haverão campanhas integradas com todos os parques, hotéis, pousadas, restaurantes e empreendimentos turísticos da cidade”, afirma.

Mobilização

Conforme a presidente da Associação de Parques e Atrações da Serra Gaúcha (APASG), Manu da Costa, o fato de Canela estar preocupada com a retomada da economia é fundamental. “A mobilização é muito valida. Mais do que nunca nós precisamos colocar em prática ações que visem a retomada da economia porque realmente os efeitos dessa pandemia devem perdurar por um longo período”, avalia.

Para a empresária Adriana Brocker Boeira, do Grupo Brocker Turismo, a região pode ter vantagens na retomada econômica desde que consiga diversificar a forma de comunicação com o público. “Temos muitas opções de passeio, hospedagem e gastronomia. O destino Serra Gaúcha atende vários gostos, tem diversas opções de produto. Sai na frente em função da diversidade de atrativos. É necessário inovar os canais de venda. Com a união de Canela e Gramado, a região da Serra ganha como um todo”, afirma.

Planejamento

O presidente do SINDTUR Serra Gaúcha, Mauro Salles, destaca que o planejamento realizado pela prefeitura com as entidades pode contribuir para a retomada. “Em curto prazo, as ações são mais voltadas para cuidar da saúde da população e fazer uma retomada segura dos negócios locais. Quando a gente tiver mais certeza, informação e firmeza, penso que podemos começar a pensar no fomento do turismo. Então, é importantíssimo termos planos para irmos retomando na medida em que tentamos reconquistar a motivação e a confiança do turista. Todas as boas idéias que vierem daqui para frente certamente vão ajudar muito o turismo”, acredita Salles.

Plano estratégico

O Diretor Executivo da ABRASEL em Hortênsias, Alberto Ecker, destaca a união para a criação do plano estratégico. “Percebemos que era importante criar um plano estratégico do pós-crise. Muitas pessoas não terão mais férias em junho e julho. Então, pensamos em fazer algumas coisas para atrair essas pessoas para Canela e região, oferecendo benefícios no geral, mas principalmente os ligados a descontos, pois esse consumidor não vai estar com tanta disponibilidade financeira para viajar, ele precisará sentir no bolso esse benefício. Ao pensarmos antes, saímos na frente”, frisa.

O Diretor Comercial do ALPEN PARK, Renato Fensterseifer Junior, acredita que o plano está no timing perfeito para que todo o trade possa se programar e encarar desde agora esse desafio de uma forma conjunta. “Isso dá bastante segurança para que todos se sintam orientados e tenham um caminho claro a seguir. Outro ponto positivo é que esse planejamento foi cocriado, ou seja, vários representantes do trade foram chamados pela Prefeitura para participar da criação desse material. Agindo agora vamos ter um resultado muito bom quando passar a crise”, afirma Junior.

TCHÊ PRESS – Comunicação & conteúdo Halder Ramos
Jornalista | Assessor de Comunicação
Fone: (54) 99608.4545
E-mail: [email protected]
Site: www.tchepress.com.br